• GUGA Som
  • Vende TERRENO
  • Pousada Dallas
  • Ciro Aragão
  • Dra. Valéria
  • Bom na Boca Salgados
::PUBLICIDADE
AABB
Gráfica Ideal
Estação do Horto
USO Continuo
Flexum
Milk Shake
Proarte
Madereira SC
André
Auto Escola Atlântica
Agiliza
M A Construções
Vende Terreno Botão
Primeiro Ato
Alan Pimentel
Destak Magazine
Sucata Piripiri
Criart
Fortes Academia
Água & Cia
Boticário
O Machado
pacifico
Alfredo
Matos
Casa do Forro
Mistura Fina
ÁGUA BOA

Mutirão Vestibular Unopar Piripiri

Ainda há tempo de você estudar na universidade de ensino à distância do país.

24 de fevereiro de 2015 14:28h | Postado por: Jairo Ribeiro em Educação

Ainda há tempo de você estudar na universidade de ensino à distância do país.

Aproveite o Mutirão UNOPAR que acontece no dia 28 de fevereiro, às 10 e às 13 horas, em todas as unidades da UNOPAR, inscreva-se!

No Mutirão as inscrições são gratuitas, tem prova, correção e resultado, tudo no mesmo dia. E, se você for aprovado, já sai pré-matriculado!

É a oportunidade pra você que quer estudar com flexibilidade de horários, onde quiser.

Mais informações, acesse unopar.br ou ligue 9458-4131 ou 9931-8609.

Unopar Piripiri-PI. Mais próxima, para você ir mais longe.



Música ao vivo no Paraíba e muitas promoções e novidades em todos os setores

28 de fevereiro de 2015 10:48h | Postado por: Paiva Filho em Geral

Vale a pena fazer uma visita ao Paraíba de Piripiri, que neste sábado esta recebendo todos com música ao vivo, cafezinho, chocolate, caldo de cana e muitas promoções em todos os setores.

Muitas novidades nos setores de calçado e confecção, com a nova coleção da campanha moda Paraíba Cores e Flores em você.

E no setor de moveis e eletro você vai encontrar tudo que você precisas com o melhor preço da cidade. Aproveite!  O Paraíba espera por você de portas abertas.

Armazém Paraíba sucesso em qualquer lugar!

Moda Paraíba cores e flores em você!



Promotoria de Justiça de Piripiri realiza audiência pública...

Sobre municipalização do PROCON

28 de fevereiro de 2015 07:49h | Postado por: Paiva Filho em Geral

O Ministério Público, através da 3ª Promotoria de Justiça de Piripiri, realizou ontem (27), no plenário da Câmara de Piripiri, audiência pública para tratar da Municipalização do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor e seus desdobramentos no Município de Piripiri.

O vereador Valdivielson Monteiro disse que a criação de um PROCON municipal é uma oportunidade histórica para que Piripiri avance nas relações entre consumidor e o comércio.

á o promotor Antenor Figueiras falou da experiência da criação do PROCON municipal em Parnaíba, que foi o pioneiro no estado e externou sou preocupação com o PROCON estadual. Segundo Antenor Figueiras, o PROCON municipal é autossustentável. Ele destacou os avanços obtidos com a municipalização do PROCON na cidade de Parnaíba, como por exemplo, a melhoria no atendimento do DETRAN, Correios e bancos, além da implantação de taxímetros em táxis do município.

O secretário executivo do PROCON de Parnaíba, promotor Miguel Bezerra, parabenizou pela iniciativa de uma audiência pública para tratar de um assunto tão relevante. Ele ressaltou que o PROCON não é inimigo do comerciante. “O PROCON municipal não vem para multar e sim para fiscalizar as relações de consumo”, pontuou.

Para o secretário de educação do município, Rodrigo Amaral, é muito importante a conscientização sobre a relação de consumo. Por esse motivo disse que, como gestor da educação, poderá abrir espaços nas escolas para a realização de palestras de conscientização sobre estas relações.

Mauro Júnior, da subseção da OAB de Piripiri, disse que o município não pode ficar atrás desses avanços. “Estaremos apoiando para que se possa implantar esse magnífico instrumento na cidade”, concluiu.

Já o promotor Cleanto Moura disse que dará todo o suporte para a implantação do PROCON municipal e chamou atenção para a possibilidade de obtenção de recursos federais por meio do Ministério da Justiça.

Ao final da audiência, o promotor Nivaldo Ribeiro disse que levará o projeto de implantação do PROCON municipal para o prefeito Odival Andrade para que seja encaminhado.

Estiveram presentes o promotor Nivaldo Ribeiro, da 3ª Promotoria de Piripiri; Antenor Figueiras, promotor de Parnaíba; promotor Cleanto Alves de Moura, coordenador da Promotoria de Defesa do Consumidor; secretário de governo do município, Simplício Peres, representando o prefeito Odival Andrade; vice-prefeita Socorro Mesquita; Miguel Bezerra, promotor do PROCON de Parnaíba; secretário de educação, Rodrigo Amaral; secretário da SEJUCE, Menandro Brito; Mauro Júnior, presidente da subseção da OAB de Piripiri; Tenente Rafael, representando o 12º Batalhão de Polícia Militar; Maria Helena, do Conselho do Idoso; e a representante da FETRACON, Francisca Soares, além dos vereadores Valdivielson Monteiro, representando a presidência da Câmara; Nayla Barbosa; Domingos Carvalho (Domingão); Francisco Raimundo (Dr. Nanam); Luciano Assunção e Abraão Ximenes.

Portal sem Fronteiras


Contas de luz sobem, em média, 23,4% em todo Brasil, a partir de segunda (1º)

E os consumidores podem esperar por nova alta em suas tarifas ao longo de 2015

27 de fevereiro de 2015 20:32h | Postado por: Jairo Ribeiro em Geral

As contas de luz no Brasil vão aumentar, em média, 23,4% a partir da próxima segunda-feira (2), quando começa a vigorar a revisão extraordinária aprovada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) nesta sexta-feira (27).

Para os consumidores do Sul, Sudeste e Centro-Oeste, a alta vai ser de 28,7%, na média, 4,5 vezes maior que a aplicada para aqueles que vivem em estados do Norte e Nordeste, que será de 5,5%, também na média.

Essa diferença ocorre porque os consumidores das três primeiras regiões terão mais custos para cobrir com essa revisão extraordinária. Um exemplo é a energia gerada pela hidrelétrica de Itaipu, que atende a todo o país e foi reajustada em quase 50% em 2015, mas que é repassada apenas às contas de luz de moradores do Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

Ao todo, a Aneel autorizou o reajuste das tarifas de 58 das 63 distribuidoras de energia do país. Os cerca de 1,2 milhão de consumidores da AES Sul, que atende em 118 cidades do Rio Grande do Sul, terão o maior reajuste, de 39,5%.

Entre as maiores distribuidoras, os mais altos serão da Copel (36,4%), que atende a clientes no Paraná, da Eletropaulo (31,9%), que atua em São Paulo, e da Cemig (28,8%), que atende a consumidores de Minas Gerais. 

Clientes de quatro distribuidoras não serão atingidos pelo reajuste extra das contas de luz. Os da CEA, do Amapá, porque a empresa não pediu à Aneel a revisão extraordinária. Já os da Amazonas Energia (AM), Boa Vista e CERR (RR), estão livres porque vivem em regiões que não são atendidas pelo Sistema Interligado Nacional (SIN), rede de linhas de transmissão que liga o país, e por isso não participam do rateio de contas do setor.

Aumento extra

As revisões extraordinárias aprovado nesta sexta são um aumento extra nas contas de luz, aplicado quando há risco de desequilíbrio nas contas das distribuidoras. Portanto, os consumidores podem esperar por nova alta em suas tarifas ao longo de 2015, pois a Aneel ainda vai autorizar o reajuste ordinário, aquele que já ocorre uma vez por ano.


Das 63 distribuidoras, 6 já passaram, em fevereiro, pelo reajuste ordinário. A Ampla, que atende cidades do interior do Rio de Janeiro, vai ter os reajustes ordinário e extraordinário aprovados juntos ainda no mês de março, por isso não consta da lista divulgada pela Aneel nesta sexta.

A revisão aprovada nesta sexta vai permitir que as distribuidoras arrecadem, de imediato, recursos para cobrir custos com a compra de energia de Itaipu, novos contratos de suprimento de eletricidade firmados em leilões recentes, além de ações do governo financiadas pela Conta de Desenvolvimento Energético (CDE).

Pela regra, as distribuidoras deveriam bancar essas contas para, depois, serem ressarcidas no reajuste anual, mas elas alegam não ter recursos. Ou seja, essas despesas bilionárias já seriam repassadas aos consumidores mas, com a revisão extraordinária, isso ocorre antes.

Mais cedo nesta sexta, a Aneel aprovou a previsão de orçamento da CDE para 2015. E determinou que os consumidores paguem, via contas de luz, R$ 22,06 bilhões para o fundo.
O dinheiro vai financiar, entre outras ações, o programa Luz para Todos, o subsídio à tarifa de famílias de baixa renda, combustível para usinas termelétricas do Norte do país e o pagamento de indenizações a empresas.

Consumidores do Sul, Sudeste e Centro-Oeste vão pagar 80% desse valor. Aos consumidores do Norte e Nordeste, será repassado 20% do total. A arrecadação dos R$ 22,06 bilhões será feita ao longo de 2015.

Equilíbrio
O diretor-geral da Aneel, Romeu Rufino, afirmou que o reajuste extra vem corrigir “eventos que perturbam o equilíbrio econômico e financeiro das distribuidoras”, entre os quais o repasse da CDE “é o principal item.”

“Com essas decisões que estão sendo tomadas, completamos o ciclo para alcançar a sustentabilidade do setor elétrico por meio da tarifa”, disse Rufino.

A medida faz parte dos esforços do governo para equilibrar as contas públicas e reverter o processo de perda de credibilidade. No caso do setor elétrico, isso significa suspender ajuda financeira às distribuidoras, por meio de recursos do Tesouro, e promover o chamado “realismo tarifário”, ou seja, repassar às tarifas todos os custos do setor.



Aluga-se esta linda casa na rua Marechal Floriano

Interessados ligar para (86) 9981-8327

27 de fevereiro de 2015 20:08h | Postado por: Jairo Ribeiro em Anúncios

MA Construções aluga esta dua linda casa no centro da cidade

A residência possui:

03- quartos (01 suíte)

01- sala de estar

01-Cozinha

01-  área de serviço

01- banheiro social

Com toda a sua área murada e calçada

A residência se localiza na rua Marechal Floriano 607

Veja mais fotos na galeria


Comissão de Deputados têm reunião com Comandante Geral da PM e entidades

27 de fevereiro de 2015 18:10h | Postado por: Paiva Filho em Geral

Nessa quarta-feira, 25, aconteceu na sede do comando geral da Polícia Militar do Piauí uma reunião de trabalho entre o comando da corporação e as entidades de praças e oficiais, com o intermédio de uma comitiva de Deputados Estaduais.

A reunião tratou da necessidade de promoção para cabos e soldados e de uma reforma na Lei de Organização Básica da PM, a LOB, assuntos considerados prioritários para o melhor desempenho dos serviços prestados pelos militares a sociedade.

O Deputado Marden Menezes, Vice Presidente da Assembleia Legislativa participou do encontro e manifestou a posição do Poder Legislativo de contribuir ao máximo para diminuir os entraves à promoção dos praças bem como para a modernização da Polícia como um todo, diante da necessidade urgente de se reforçar a segurança pública no Piauí.

Marden afirmou que é necessário um choque de gestão e que para isso o Estado precisa quebrar alguns paradigmas e enfrentar a questão de forma decidida. "Não podemos ficar à mercê de remendos legais ou improvisos. Essa é uma questão que precisa ser abordada com coragem pelo poder executivo. Mesmo que uma medida não satisfaça de início plenamente a todas as patentes mas é preciso avançar e a hora é agora. A segurança precisa de um choque de gestão", ressaltou o tucano.

Ao final da reunião o Comando ficou de apresentar em oito dias uma proposta de reforma da LOB após a discussão com as entidades. Essa proposta será levada ao Governador do Estado e posteriormente enviada ao Legislativo.


Governo do Estado vai pagar professores acima do piso nacional

27 de fevereiro de 2015 17:58h | Postado por: Paiva Filho em Geral

Em reunião nesta sexta-feira (27) com o secretário de Governo do Estado, Merlong Solano, e com o deputado Fábio Novo (PT), líder do Governo na Assembleia Legislativa do Piauí, o governador Wellington Dias pediu prioridade na aprovação da lei que reajusta o piso salarial dos professores do Piauí.

Com a aprovação do projeto, já encaminhado ao Legislativo, professores nível I da classe A, com jornada de trabalho de 40 horas, passam a ganhar R$ 2.221,75, acima, portanto, do piso nacional, que é de R$ 1.917,78.

O deputado Fábio Novo já se reuniu para tratar do assunto com o presidente da Assembleia Legislativa, Themístocles Filho (PMDB), que já se mostrou favorável à aprovação da matéria em caráter prioritário. Fábio e Themístocles defendem que a proposta seja votada na próxima terça (3).

“Conversei também com o secretário de Fazenda, Rafael Fonteles, e ele me passou que, para cumprir o piso, o Estado já tem assegurados R$ 9 milhões em recursos repassados mensalmente, pagando, inclusive, o retroativo referente a janeiro”, frisa Novo.

Sobre o retroativo, de acordo com o líder do Governo, o secretário de Educação do Estado, Helder Jacobina, garantiu que, tão logo seja aprovada a matéria no Parlamento, uma folha suplementar será feita para pagar os professores.



Panificadora e Lanchonete O Gavião produtos e serviços, com muita qualidade

O Gavião! 6 anos você faz parte dessa história!

27 de fevereiro de 2015 17:46h | Postado por: Paiva Filho em Anúncios

Fundada no dia 06 de Junho de 2009 no bairro Prado em Piripiri, a “Panificadora e Lanchonete O Gavião” conta com uma grande equipe de colaboradores competentes e tem a sua frente os proprietários Gavião e Mana dois empreendedores que buscam a cada dia inovar e levar mais qualidade para a sua mesa.

A “Panificadora e Lanchonete O Gavião” vem oferecendo produtos e serviços, produzidos com o mais alta controle de qualidade, sabor e carinho como : pães, bolos, salgados, tortas e ainda trabalhando com contratação dos seus serviços de buffet para festas infantis e cerimônias em geral. Em 2015 “Panificadora e Lanchonete O Gavião” completará 6 anos e convida você para fazer parte dessa história! Venha conferir nossos serviços e degustar nossos produtos!



Evento para todos que se sentem Jovens em Espírito

27 de fevereiro de 2015 12:35h | Postado por: Paiva Filho em Entretenimento

Evento para todos que se sentem Jovens em Espírito!


Vende-se terrenos comerciais na BR-222 com BR-343..

Ao lado do Piripiri Park Shopping

27 de fevereiro de 2015 12:20h | Postado por: Paiva Filho em Geral

Vende-se terrenos comerciais na BR-222 com BR-343.


Rasga-rasga de tecidos da Destak Magazine de Piripiri

O gerente da loja de Piripiri, Paulo tem um recado pra você

27 de fevereiro de 2015 11:28h | Postado por: Jairo Ribeiro em Anúncios

Começa dia 2 e vai até 7 de Março o rasga-rasga de tecidos da Destak Magazine  de Piripiri.

Com ofertas de tecidos de até R$ 3,99. Venha durante esses dias a aproveite o maior bota fora  de tecidos na nossa cidade. E mais!! Dividimos suas compras em até 6x nos cartões Visa, Master e CredShop.

Estamos esperando você na rua Santos Dummont, 334, no centro de Piripiri.

Destak Magazine onde o maior destaque é você!



Dirceu Andrade fará show para ajudar Maria Cândido no Miss Mundo

27 de fevereiro de 2015 08:41h | Postado por: Paiva Filho em Entretenimento

Dia 29 de Março será realizado na AABB de Piripiri, um show do Dirceu Andrade, com parte da renda revertida para a candidatura da Maria Cândido, no Miss Mundo.


O Miss Mundo, é o mais antigo concurso internacional de beleza e o segundo mais importante entre os concursos de beleza atual, atrás apenas do Miss Universo.

Maria Cândido, é da cidade de Piripiri, tem de 24 anos e 1.75m de altura. Em junho disputará a coroa no concurso Miss Mundo Brasil 2015, no estado de Santa Catarina.



Mais um acidente nas ruas de Piripiri

O motorista e o piloto não foram identificados.

27 de fevereiro de 2015 08:33h | Postado por: Jairo Ribeiro em Cidade

Logo pela manhã desta sexta-feira (27), ocorreu mais um acidente nas ruas de nossa cidade, nas imediações da Companhia de Polícia.

Após uma conversão mal feita, o motorista de um veículo Fiat Siena acabou colidindo com uma moto que seguia no mesmo sentido (centro-bairro). No momento das fotos o piloto da moto já não se encontrava no local, mas marcas de sangue poderiam ser vistas pela calçada. 

O motorista e o piloto não foram identificados. 



Policiais prendem assaltante escondido debaixo de cama e vestido de mulher

27 de fevereiro de 2015 07:39h | Postado por: redacao@piripiri40graus.com em Geral

Um homem identificado como Gilson Silva de Sousa, de 28 anos, acusado de assalto, foi preso embaixo de sua cama em sua residência, na Vila Inferninho, no bairro São Joaquim, na zona norte de Teresina. A prisão foi feita por policiais da Força Tática do 9º Batalhão da Polícia Militar.

O sargento Oliveira, do 9º Batlhão da Polícia Militar, afirmou que Gilson Silva já era foragido.

“Ele foi localizado debaixo da cama em sua residência, com roupa de mulher e uma peruca. Ao chegarmos lá, ele tentou escapar, mas conseguimos prendê-lo. Gílson estava na região de Belém do Pará e era considerado foragido e contou que veio para Teresina a passeio. Afirmou que estava se escondendo por está com medo e,se estava com medo, obviamente está devendo”, afirmou.



Investigadas doaram para mais da metade dos titulares da CPI da Petrobras

Alguns afirmaram que não tem nada de errado nisso.

26 de fevereiro de 2015 22:21h | Postado por: Jairo Ribeiro em Política

Dos 27 deputados federais titulares da comissão parlamentar de inquérito (CPI) que vai investigar irregularidades na Petrobras, 15 receberam doações de empresas envolvidas no esquema de desvios de recursos descobertos pela Operação Lava Jato. Ou seja, 55% dos integrantes da comissão tiveram suas campanhas financiadas por empresas que agora terão de investigar. A CPI foi instalada nesta quinta-feira (26).

Ao todo, os 15 deputados que receberam doações de empreiteiras como a OAS, a Odebrecht, a Galvão Engenharia e a UTC Engenharia levantaram R$ 3.289.297,78 junto a essas companhias. Entre os beneficiados, o parlamentar que recebeu o maior volume de doações foi justamente o relator da CPI, o deputado Luiz Sérgio (PT-RJ). Dos R$ 2,4 milhões que ele declarou ter arrecadado ano passado, R$ 962 mil vieram de empresas investigadas pela Lava Jato.

O segundo maior beneficiado foi o deputado Édio Lopes (PMDB-RR), que recebeu R$ 680 mil das companhias que estão na mira da Polícia Federal (PF) e do Ministério Público (MPF).

O presidente da CPI, deputado Hugo Motta (PMDB-PB), foi o que recebeu o terceiro maior volume de doações dessas empresas entre os titulares da comissão: R$ 454 mil. “O fato de ter recebido recursos, como permite a legislação, das empresas não me coloca na condição de advogado delas”, afirmou o relator da CPI.

Mas os governistas não foram os únicos beneficiados com doações legais das empreiteiras. Representantes da oposição também figuram entre os contemplados pelas empresas sob investigação. É o caso de Antonio Imbassahy (PSDB-BA), Júlio Delgado (PSB-MG), Paulinho da Força (SD-SP) e Onyx Lorenzoni (DEM-RS).

Dentre os 15 membros da CPI que foram beneficiados com doações, dois são do PT, dois do PMDB e dois, do PSDB. Existem também beneficiados do PTB, PP, PRB, DEM, PR, PSD e PDT. O levantamento do Congresso em Foco foi feito com base nas prestações de contas registradas pelos integrantes da CPI na Justiça eleitoral.

Durante a reunião de instalação da CPI da Petrobras, o deputado Ivan Valente (Psol-SP) chegou a ingressar com um requerimento pedindo que deputados que receberam recursos de empresas investigadas fossem impedidos de participar da comissão. No entanto, o pedido dele foi indeferido sob justificativa de que a medida provavelmente inviabilizaria os trabalhos da comissão.

O líder do PMDB, Leonardo Picciani (RJ), sustentou que a questão de ordem do Psol era “uma tentativa de tumultuar o começo dos trabalhos”. “Todos aqui tiveram suas campanhas financiadas. Os parlamentares foram diplomados porque tiveram suas contas de campanha aprovadas. Não podemos transformar um ato legal em ilegal”, afirmou.

Congresso em Foco


Câmara reajusta benefícios e aprova passagens para mulher de deputado

Enquanto isso nós pagamos a conta

26 de fevereiro de 2015 12:06h | Postado por: Jairo Ribeiro em Política

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), autorizou nesta quarta-feira (25) aumento em todas as despesas com parlamentares, incluindo verba de gabinete - usada para pagar funcionários -, auxílio-moradia e cota parlamentar, que inclui gastos com passagens aéreas e conta telefônica. Além do reajuste dos benefícios, esposas de deputados passarão a ter o direito de utilizar a cota de passagens aéreas dos deputados, desde que seja exclusivamente entre Brasília e o estado de origem.

Como o reajuste será a partir de abril, neste ano representará impacto de cerca de R$ 110 milhões. No entanto, a partir de 2015, a despesa extra será da ordem de R$ 146,5 milhões  por ano.

Cunha explicou que se trata de um reajuste inflacionário, mas que serão feitos cortes na mesma proporção para que o impacto seja “zero” nos cofres da Casa. “Aceitamos a correção da inflação mediante o corte de gastos. O efeito será nulo, zero de despesa”, afirmou. Segundo o presidente da Casa, os cortes serão feitos em atividades-meio, como contratos de informática e compra de equipamentos. “Faremos no tamanho da correção”, explicou.

"Não vai haver economia de nada nem aumento de nada. Será o mesmo Orçamento com a mesma despesa total", completou. "Estou fazendo apenas a correção inflacionária. Ninguém está dando aumento. Não estou aumentando verba, mas corrigindo pela inflação a verba, que é o salário dos funcionários dos gabinetes."

A verba de gabinete, usada para pagar funcionários, foi reajustada em 18,01% com base no IPCA desde julho de 2012, e passará de R$ 78 mil por mês para R$ 92 mil. Cada parlamentar pode contratar até 25 pessoas. O impacto anual será de R$ 129 milhões.


A cota parlamentar destinada, entre outros gastos, para o custeio de passagens aéreas e transporte, será reajustada em 8%, o que representará um impacto adicional de 16,6 milhões por ano. O valor da cota varia conforme o estado de origem do deputado. O maior valor é pago a deputados de Roraima, hoje em R$ 41 mil por mês. O menor valor é dado a deputados do Distrito Federal, cerca de R$ 27 mil. O dinheiro também é usado para despesas com telefone e correio.

Também foi autorizado que a verba seja usada para comprar passagem aérea para cônjuges, atendendo à reivindicação de mulheres de parlamentares. O recurso só poderá ser usado quando o itinerário for entre Brasília e o estado de origem. A Direção-Geral da Câmara informou que o critério para liberar a passagem para o cônjuge será a comprovação do casamento ou de união estável reconhecida em cartório.

“Não é acréscimo da cota. É o valor exato da cota podendo utilizar o cônjuge de cada parlamentar única e exclusivamente no destino estado-Brasília, nada mais do que isso”, afirmou Cunha.

A norma na Câmara determinando que apenas deputados teriam direto a passagens foi implantada em 2009, após virem à tona diversos casos de uso indevido da verba, o que ficou conhecido como o escândalo da farra das passagens. Na época, a regulamentação era superficial e diversos deputados pagaram passagem para parentes e amigos, incluindo viagens de lazer.

Após a restrição, a única exceção era liberada para assessores previamente cadastrados e em viagens justificadas. Durante a campanha à presidência da Câmara, Cunha se reuniu com um grupo de mulheres de parlamentares, em um chá oferecido por uma delas, que fizeram um apelo para a volta da liberação das passagens.

Além disso, a partir de abril, o auxílio-moradia passará de R$ 3.800 para R$ 4.243 por mês. Por ano, o impacto extra será de R$ 885 mil.

Reajustes unificados
Segundo Eduardo Cunha, as despesas da Casa passarão a ser reajustadas pelo IPCA e sempre na mesma época. Até então, eram usados índices diferentes e em datas diversas.

“Vai ter a partir de agora uma única correção. Ou seja, nós fizemos a correção da inflação de todos os itens de despesa para ter uma unificação, porque eles têm períodos de reajuste diferenciados. Trouxemos pelo IPCA todos unificados para janeiro de 2015 e com a contrapartida do corte de gastos para não haver qualquer aumento de despesa”, explicou Cunha.

Secretaria de Comunicação
O reajuste nas despesas foi tratado em uma reunião da Mesa Diretora, que autorizou ainda a criação de uma Secretaria de Comunicação Social, a quem caberá coordenar os veículos de comunicação da Casa, incluindo a TV. Segundo Cunha, a orientação é para que a cobertura fique restrita exclusivamente à divulgação do trabalho dos deputados, inclusive nos estados.

“Ela tem que cobrir a atividade parlamentar, ela não tem que competir com TV aberta, não tem que ter programa de chorinho”, disse. A medida enfrenta resistência de servidores da Casa, receosos de haver interferência na imparcialidade da cobertura. Cunha negou, porém, que o objetivo seja monitorar o conteúdo.

“[A secretaria] Não tem o objetivo de comandar ou monitorar a pauta de quem quer que seja da divulgação da Casa, mas garantir que os veículos de comunicação da Casa divulguem o trabalho da Casa”, afirmou.

Ainda não foi definido o nome do deputado que ficará à frente da secretaria. O presidente da Câmara anunciou ainda que será criado um conselho consultivo, vinculado à Mesa Diretora, para tratar da política de comunicação.

Benefícios
Além da remuneração mensal bruta, hoje fixada em R$ 33.763,00, os deputados federais têm benefícios que vão desde o suporte para a instalação em Brasília no início do mandato até o reembolso para despesas com saúde em atendimentos fora do departamento médico da Casa.

Veja  a lista de direitos e benefícios:

- Duas ajudas de custo por mandato (uma no início do mandato e outra no final), no mesmo valor do salário, para compensar as despesas com mudança e transporte.

- Auxílio-moradia, que passará de R$ 3.800 para R$ 4.243 por mês em abril, ou uso de apartamento funcional.

- Atendimento médico e odontológico (no próprio departamento médico da Câmara). Também há reembolso para despesas com saúde foram do departamento médico da Casa. Os gastos com despesas médicas dos deputados em 2013 somaram R$ 3.483.876,89. Em 2014, representaram R$ 2.940.679,34. O atendimento no departamento médico da Câmara é vitalício. Deputados em exercício e seus familiares que podem ser incluídos como dependentes no Imposto de Renda têm direito de utilizar o departamento médico da Casa.

- Para o exercício das atividades do mandato, os deputados também recebem a cota parlamentar, que varia de 27.977,66 a 41.612,80. Este benefício inclui, entre outras despesas, gastos com escritório fora da Câmara, combustível, serviços postais, fornecimento de alimentação ao deputado, aluguel de aeronave, serviços de segurança, de consultoria e de divulgação das atividades parlamentares.

G1.com