Notas Musicais

The Ranch, nova série da Netflix

Um bom elenco e um bom roteiro

Notas Musicais Thiago Lustosa 07 de abril de 2016 20:45h

Ashton Kutcher e Danny Masterson se entreolham e, sem introduções, começam a falar um com o outro, ao mesmo tempo, como se estivessem na pele de Michael Kelso e Steven Hyde gravando uma cena desencontrada da série That '70s Show. Apesar de os atores estarem em frente às câmeras, a situação não foi escrita em um roteiro: eles estão dando entrevistas para promover a nova sitcom deles: The Ranch, que estreou no último dia 1º.

Produzida pela Netflix, a série reúne Kutcher e Masterson pela primeira vez (como protagonistas) depois de dez anos do fim de That '70s Show – sitcom exibida nos EUA desde 1998 e que alçou as carreiras de ambos como atores. “Nos bastidores somos exatamente como em frente às câmeras”, diz Masterson, arrancando uma risada do companheiro, e sem deixar entender se está falando sério ou apenas brincado. “É uma relação de amor e ódio. Amamo-nos carinhosamente, mas também temos a habilidade de insultarmo-nos duramente e em seguida dar risada disso.”

“Podemos discordar de alguma coisa – de muitas, muitas coisas – muito vividamente, mas no minuto seguinte, é tipo: ‘Tudo bem, vamos beber alguma coisa’. E pronto”, comenta Kutcher. “Acho que esse de tipo de... ‘magia’ que, penso, é o aspecto interessante do nosso relacionamento. E acredito que isso acaba aparecendo na série.”

A ideia de The Ranch surgiu dentro da produção de Two and A Half Men, série em que Kutcher estava trabalhando anteriormente. “Pensamos na relação que nossos personagens poderiam ter e como amarrá-la em algo palatável”, explica ele. Além de protagonistas, Kutcher e Materson são produtores executivos de The Ranch, ao lado de Jim Patterson e Don Reo, criadores da série.


Na trama, Kutcher dá vida a Colt, um convencido jogador semiprofissional de futebol americano que volta ao ambiente conservador da fazenda da família – no Colorado, Estados Unidos –, onde encontra o pai, Beau (Sam Elliott), e o irmão, Jameson “Rooster” (Masterson), depois de 15 anos afastado. Maggie, a mãe de Rooster e Colt, trabalha como gerente do bar da cidade e é interpretada por Debra Winger (veja o trailer abaixo).

Para Kutcher, a ideia era “desafiar o que uma sitcom tradicionalmente representa” e “tentar fazer coisas diferentes do que as pessoas normalmente fazem nesse formato”. “Colocar músicas boas na série, fazer com que as pessoas falassem do jeito que elas realmente falariam, gravar imagens fora do estúdio, ser irreverente de uma maneira que não agradaria anunciantes”, comenta o ator deEfeito Borboleta e Cara, Cadê Meu Carro?.

Masterson emenda: “Acho que [se a série fosse exibida no modelo tradicional da televisão e não na Netflix] a cada novo episódio, nós perderíamos um anunciante diferente, até que, eventualmente, ninguém mais estaria interessado em assistir nosso programa”. The Ranch chegou à Netflix já com dez episódios disponíveis – como é comum no serviço de streaming –, sendo que os outros dez – a outra metade da primeira temporada – chegam apenas no segundo semestre.

Uma aposta da dupla de That '70s ShowThe Ranch transporta o clima de reencontro do âmbito pessoal para o enredo dos episódios, dando ainda mais ênfase nos personagens de Kutcher e Masterson, e transformando as presenças deles no trunfo da produção. “A melhor coisa de Rooster é...”, reflete Kutcher, interrompido prontamente pelo parceiro: “Ele é tipo um Muppet!”. Enquanto os dois caem na risada, sem deixar a peteca cair, Masterson emenda: “E o melhor de Colt? Difícil... Bom, ele é bem bonito! [risos].


por LUCAS BRÊDA