Esportes

Dia 27 de agosto de 2016, sábado, acontecerá em Piripiri, o encontro 'Vamos Gingar' do Programa Integração AABB comunidade e Associação Cultural de Capoeira Escravos Brancos.

O evento terá a presença de mestre Albino e diversos professores, um dos principais objetivos é o conhecimento das raízes afro-brasileiros na formação da sociedade, no sábado 27 de agosto, às 9:00 da manhã, na AABB de Piripiri acontece o batizado e troca de cordas, visando integrar, ensinar, aprender, buscar a realidade da capoeira no ritmo, movimento, musicalidade e fundamentos da capoeira. Divulgação.


Atletas Piripirienses são campeões mundiais de Jiu Jitsu

A equipe já se prepara para o Open Tianguá em setembro

Esportes Paiva Filho 22 de agosto de 2016 16:49h

A equipe de competição - da APJJ participou nesse último final de semana do campeonato mundial de Jiu Jitsu da Confederação Brasileira de Lutas profissionais realizado em Fortaleza Ceará e o resultado foi excelente no total foram 12 medalhas sendo 6 de ouros. Foram 4 meses de preparação física e técnica itensa, mas final valeu a pena, pela primeira vez conseguimos um título a nível mundial. Segue a lista de medalhistas da Cidade de Piripiri: André Lucas campeão faixa azul nogi Thales Eduardo campeão faixa azul nogi pesado Isaías Carvalho campeão faixa branca juvenil Bruno Marlon campeão infanto juv Magna Adélia 2 lugar faixa roxa Thiago Ferro 3 lugar faixa roxa.

A equipe da APJJ comemora o resultado expressivo e agradece a todos os professores e atletas da entidade e agradece a Prefeitura de Piripiri pelo apoio.


O desempenho do futebol feminino no torneio olímpico pode ter um impacto ainda maior para o esporte no país do que ter terminado sem medalha. Há gente muito influente na entidade defendendo uma revisão, após a Rio 2016, do custeio de uma seleção permanente, com a CBF pagando mensalmente as jogadoras. Um dos figurões da entidade, em conversa informal com o blog, não viu vantagens para a confederação em manter o modelo e fez a seguinte leitura: o resultado não veio, elogios pela iniciativa também não, e sobrou apenas a conta para pagar. O desempenho do coordenador Marco Aurélio Cunha, no entanto, é bem avaliado internamente.

A tendência é de que o trabalho de monitoramento e desenvolvimento do esporte continue - nos últimos dois anos centenas de atletas no Brasil e no exterior foram observadas -, mas o conceito de seleção permanente está no cadafalso. Disse o dirigente que apesar dos esforços o futebol feminino não "pega" no Brasil - embora muita gente tenha se empolgado com o desempenho inicial da seleção feminina, especialmente enquanto a masculina sofria na primeira fase olímpica. Certo é que nos próximos dias esse tema será discutido.

Um ponto é bastante sensível: a Fifa, com quem a relação de Marco Polo del Nero pode azedar a qualquer momento por conta de uma investigação do Comitê de Ética iniciada em novembro do ano passado, tem como uma das suas bandeiras o desenvolvimento do futebol feminino - e dá alguns recursos à CBF com este fim. O novo presidente, Gianni Infantino, promoveu a entrada de mais mulheres no Conselho - ex-Comitê Executivo - e deu a uma mulher a secretaria-geral, o segundo cargo na hierarquia da entidade. A extinção do modelo de seleção permanente, uma peculiaridade do esporte no Brasil, pode não inspirar muita simpatia em Zurique.

Infantino visitou a CBF recentemente. Há quem diga que foi vítima de uma armadilha política de Del Nero e não ficou nada satisfeito em participar da reunião na sede da entidade. Mas os caciques da CBF negam a história com veemência. De qualquer forma, como já ficou claro quando a Fifa tentou punir Del Nero com devolução de verbas da entidade - e depois voltou atrás por pressão da CBF por não haver condenação -, a relação entre as entidades depois dos escândalos de 2015 é instável. 

O panorama para o futebol feminino brasileiro, sem competições realmente fortes e apoio efetivo para boa parte das atletas fora da seleção, é incerto.

De 12 em 12 anos. Parece ser essa a conta certeira para que o Brasil brilhe no vôlei masculino nos Jogos Olímpicos. Depois de conquistar o ouro inédito em Barcelona-1992, a seleção brasileira foi bicampeã em Atenas-2004 e, neste domingo, superou os dois últimos vice-campeonatos para subir no lugar mais alto do pódio pela terceira vez na Olimpíada Rio-2016. A vítima da vez foi a Itália, que acabou derrotada por 3 sets a 0, com parciais de 25-22, 28-26 e 26-24.

O terceiro set foi equilibrado até os pontos finais. Até o desafio foi importante para manter os times colados no placar. A decisão veio das mãos de Lipe, que subiu no tempo perfeito para cravar um bloqueio no chão e garantir a medalha de ouro ao Brasil.

Além de uma conquista olímpica, o título tira um peso da seleção que vinha se acostumando com vice-campeonatos. Desde o Mundial de 2010, o time de Bernardinho não era campeão em quadra, com direito a segundo lugar em diversas competições, incluindo os Jogos de Londres, em 2012.

A derrota há quatro anos foi recheada de emoção e terminou com os jogadores chorando em quadra. O Brasil perdeu de virada contra a Rússia depois de abrir 2 a 0 na partida. A volta do Brasil ao lugar mais alto do foi contra o mesmo adversário da última conquista, a Itália. Em 2004, no entanto, a vitória foi por 3 a 1.

Um dos principais problemas do Brasil no começo da competição foi o saque. Bernardinho sempre falava na necessidade de quebrar o passe, principalmente de times que atacavam rápido e com força. No primeiro set deste domingo, Lipe, Wallace, Lucarelli, Lucão e Maurício Souza conseguiram pontuar e dar vantagem no placar aos brasileiros. Enquanto isso, os italianos conhecidos por seu saque poderoso desperdiçaram muitas oportunidades, inclusive o último ponto da parcial.

A vantagem estava com os italianos no segundo set também. O Brasil só foi passar à frente quando Lipe acertou uma boa sequência de saque, com direito a um ace. Mesmo assim, os italianos, muito no jogo de Zaytsev, pressionaram até o fim. Foi um ponto de saque que decidiu o set.


Brasil vence a Alemanha nos pênaltis e, enfim, é ouro!!

Esse era o único título que o Brasil não tinha.

Esportes Redação Piripiri 20 de agosto de 2016 20:16h

Usain Bolt viu. Marta viu. Tite, Dunga e os mais de 60 mil presentes ao Maracanã também viram. Pela primeira vez na história, a seleção brasileira de futebol é medalha de ouro na Olimpíada. Após este sábado (20), com a vitória nos pênaltis por 5 a 4 sobre a Alemanha após empate por 1 a 1 no tempo regulamentar, o título que faltava ao pentacampeão mundial Brasil não falta mais.

A conquista ataca dois traumas do futebol brasileiro de uma só vez. Apesar de não apagar os 7 a 1 sofridos para a Alemanha na semifinal da última Copa do Mundo, serve para o público brasileiro ver o algoz derrotado no mesmo Maracanã onde triunfou. Além disso, traz o ouro que bateu na trave em 1984, 1988 e 2012, edições de prata. 

Neymar abriu o marcador no primeiro tempo, mas não seria tão simples quanto alguns poderiam pensar. A Alemanha levou drama e mostrou, com outros jogadores, por que é a atual campeã do mundo, e Max Meyer empatou no segundo tempo. A conquista só veio com drama, nos pênaltis, com Neymar, que anotou o gol decisivo após Weverton defender a cobrança de Petersen.

UOL

Torcida dá show, mas Brasil é derrotado pelo Canadá e fica sem o bronze

A medalha de ouro será decidida ainda nesta sexta-feira, entre Suécia e Alemanha

Esportes Redação Piripiri 19 de agosto de 2016 15:45h

A seleção brasileira feminina de futebol ficou apenas com o 4º lugar nas Olimpíadas do Rio de Janeiro. Nitidamente abatidas na partida desta sexta-feira (19), as meninas não suportaram o Canadá e foram derrotadas por 2 a 1 em plena Arena Corinthians, em São Paulo. Os gols foram marcados por Rose e por Sinclair. As canadenses repetem o resultado de Londres, em 2012. 

O Brasil reagiu no fim do segundo tempo e conseguiu o desconto com Bia, já aos 33 minutos do 2º tempo. O destaque fica por conta da torcida, que deu show e não deixou de apoiar nem por um minuto, inclusive após o apito final e a derrota consumada.

Mais do que a dor da derrota, a seleção vive agora a expectativa de saber como será o futuro da modalidade. A exemplo do que sempre acontece após o ciclo olímpico, as mulheres não sabem qual o tamanho do apoio que terão no país, especialmente para o desenvolvimento de novas jogadoras. A medalha de ouro será decidida ainda nesta sexta-feira, entre Suécia e Alemanha, às 17h30.


Seleção brasileira faz 6 gols em Honduras e fica a um passo do ouro

Esportes Redação Piripiri 17 de agosto de 2016 17:46h

É verdade que Honduras não é uma potência do futebol mundial, mas o Brasil fez sua parte. Com sobras e requintes de crueldade, a seleção brasileira aplicou 6 a 0 na tarde desta quarta-feira e levou o Maracanã à loucura. Neymar (2), Gabriel Jesus (2), Marquinhos e Luan anotaram os gols que deixam o sonho do ouro olímpico mais perto.

Com uma torcida que pediu pela Alemanha, rival da Nigéria na outra semifinal desta tarde, o Brasil já garantiu a prata, mas certamente quer outra cor de medalha após os vice-campeonatos de 1984, 1988 e 2012. A terceira vitória convincente na Olimpíada indica que isso poderá ocorrer no próximo sábado, de novo no Maracanã.

Prêmio às convicções de Rogério Micale, o triunfo sobre Honduras foi construído graças ao futebol coletivo do Brasil, que ainda não sofreu gols na Olimpíada, mas teve seu brilho mais intenso com os homens de frente. Em especial, do camisa 10 que comandou todas as ações mais uma vez.

Mais uma atuação digna de melhor jogador da Olimpíada para o camisa 10 brasileiro. Aos 15 segundos, dividiu como um juvenil sedento por oportunidade e marcou o gol que transformou a realidade do jogo. Além de lindos lances e muitas faltas recebidas, ainda deu mais duas assistências, para gols de Gabriel Jesus e Marquinhos. No final, já nos acréscimos, decretou a goleada com uma cobrança perfeita de pênalti.

Um cochilo na saída de bola no início do jogo frustrou toda a estratégia hondurenha de se defender no Maracanã. O responsável foi Johnny Palacios, de 29 anos e defensor do time de Jorge Luis Pinto. Além do erro, fez falta dura e recebeu cartão amarelo.

Esqueça o atacante sem confiança e ansioso no início da Olimpíada. Gabriel Jesus partiu da esquerda para o centro em velocidade para fazer dois bonitos gols na diagonal. Primeiro, com um presente açucarado de Luan e um toque por baixo do goleiro. Depois, em passe em profundidade de Neymar e um chute para estufar a rede. Com três gols, Jesus passa a ser, ao lado de Neymar, o goleador do Brasil na competição.

Além de não ser vazada em cinco jogos na Olimpíada, a defesa do Brasil deu sua contribuição com o primeiro gol que não foi feito por um atacante. Marquinhos, que estreava no Maracanã, anotou o quarto da goleada brasileira.

Com a vitória sobre Honduras, o Brasil assegurou a sexta medalha olímpica no futebol masculino, o que é um recorde em número de pódios. A nação líder de ouros olímpicos é a Hungria, que já ganhou três vezes e ainda tem uma prata e um bronze. Com o marcado com 15 segundos, Neymar também registrou o gol mais rápido da história do futebol da Olimpíada.

Assim como Mano Menezes (2012), Carlos Alberto Silva (1988) e Jair Picerni (1984), Micale já assegurou ao menos uma prata no currículo. O Brasil novamente jogou como o treinador gosta, com força para retomar a bola, alto índice de posse e ‘caos no ataque’. O segundo gol brasileiro o levou à loucura no banco de reservas e valeu até um soco no ar na comemoração.

O treinador colombiano, especialista em retranca que levou a Costa Rica até as quartas de final da Copa do Mundo, bem que tentou repetir a dose na Olimpíada. Defensivo nos jogos anteriores, o time de Honduras foi ainda mais conservador na escalação com cinco zagueiros de origem. Mas, um gol rapidamente sofrido, prejudicou todos os planos.


Lucifran parabeniza as atletas do Time Fênix pela conquista do Bicampeonato..

Da Copa Batom

Esportes Paiva Filho 15 de agosto de 2016 17:11h

O professor Lucifran parabeniza todas as atletas do Time Fênix pela conquista do Bicampeonato da Copa Batom, realizada no último sábado no Estádio Itacoatiara, em Piripiri.


Apagada, seleção ouve gritos de “Marta”, e empata com o fraco Iraque

Neymar apareceu pouco e vira alvo da impaciência da torcida.

Esportes Redação Piripiri 08 de agosto de 2016 10:11h

Neymar foi o mais acionado da seleção contra a África do Sul. Errou demais, mas não se omitiu. Diante do Iraque, neste domingo, em Brasília, foi o contrário.

Apagadíssimo, o camisa 10 pouco criou e foi um dos principais alvos de uma torcida que perdeu a paciência com o time olímpico brasileiro. Lento e previsível, o capitão teve de ouvir gritos de “Marta” durante todo o segundo tempo. Não teve como responder: em outra atuação decepcionante, a equipe de Rogério Micale empatou em 0 a 0.

PRIMEIRO TEMPO

No início, a torcida brasiliense parecia ter feito mea-culpa. Após a impaciência na estreia, mostrou apoio desde o início. O Brasil começou nervoso, mas, aos poucos, assumiu o controle do jogo. Porém, a produção ofensiva seguiu ruim: 12 finalizações, mas poucas de real perigo. Gabriel foi o mais incisivo, com Renato Augusto bastante participativo. Entretanto, tiveram pouca companhia. Além do discreto Neymar, Gabriel Jesus voltou a decepcionar.

DESTAQUE SEGUNDO TEMPO

A paciência demonstrada pela torcida acabou no apito que encerrou o primeiro tempo. A partir dali, o clima mudou. E a seleção olímpica sentiu. Micale colocou o time para frente, com Luan no lugar de Felipe Anderson, mas a aposta durou 10 minutos, quando Rafinha substituiu um apagadíssimo Gabriel Jesus. Nada melhorou. O time, nervoso, errou demais e foi vaiado sem dó pelos torcedores. Na melhor chance, nos acréscimos, Renato Augusto chutou para fora com o gol aberto. A equipe que prometia jogo ofensivo, dribles e gols completou 180 minutos sem balançar a rede.


Piripiriense Gusthavo Sousa Vice campeão do interestadual 2016.


Os empresários e sócios da AABB de Piripiri Netinho Escórcio, José Amaro, João Rocha e Paulo Furtado reuniram os amigos boleiros para uma partida de futebol em comemoração ao time Master participante da JERAB - São Luís-MA.

Oficinas de motivação esportiva em Piracuruca.

Trabalho aberto e gratuito.

Esportes Redação Piripiri 22 de julho de 2016 09:26h

Acontece em Piracuruca Oficinas de Motivação esportiva com o professor Ely Andrade de Fortaleza. As oficinas acontecem na Praça do Patronato e no Espaço e Clínica Fisiolife.
Trabalho aberto e gratuito.
Apoio: Piripiri40graus, Soft Cursos, Fisiolife, Habilite, Laboratório Labvida. As Oficinas Acontecem durante o período de férias e Agosto.

O Enduro Rally do Delta, prova de dois dias, acontecerá nos próximos dias 23 e 24 de julho, entre Teresina, Piripiri e Parnaíba.

Dentre os pilotos participantes, o mais experiente piloto da equipe Parnaíba Team, o parnaibano Fredy Oliveira, categoria Sênior, que já tem 17 anos de experiências em enduros de motos, já participou de várias edições de campeonatos estaduais de enduro de regularidade e outros competições, como o Rally Cerapió / Piocerá, da qual já participou oito edições. O Enduro Rally do Delta valerá como 4ª e 5ª etapas do Piauiense de Enduro e ainda é uma prévia para os 30 anos do Rally Piocerá, que acontecerá em janeiro.
Participe você também.

O evento terá disputas ainda nos carros 4x4, quadriciclos e UTV.
Inscrições: www.piocera.com.br

Texto: Marcia Cristina.

Programação Rally do Delta:

Dia 22- Seminário tecnico exclusivo para organizadores de enduro às 14h na sede da FMP.
Dia 22- Sorteio e brienfing às 19h na Terra Bella- Can Am
Dia 23- Largada as 7:30h - CN Motos Teresina
Chegada às 16h - Praça da Bandeira- Piripiri
19H- Brienfing. Hotel Faz. Sete Cidades.
Dia 24- Largada às 7h30 - Praça da Bandeira - Piripiri
Chegada em Luiz Correia às 16h
Premiação : Sesc Praia.

 Por Auricelia Brito.

Oficinas de motivação esportiva em Piripiri

As aulas são ministradas pelo professor Ely Andrade de Fortaleza - CE.

Esportes Redação Piripiri 14 de julho de 2016 11:35h

Estão acontecendo oficinas de auto estima nas cidades de Piripiri e Brasileira com o professor Ely Andrade de Brasileira.

No último dia 9 a oficina aconteceu na  Academia Atitude na cidade de Brasileira, dia 11 na Flexum Academia em Piripiri e a próxima será no dia 18 também na Flexum a partir das 19 horas.

Conheça nosso trabalho e tenha saúde!

APOIO:

Piripiri40graus.com, Aquafisio, Clínica da Visão, Flexum Academia, Auto Escola Atlântica, Drª Valéria  Carvalho, Veste Bem, Atitude Academia (Brasileira), NaturaLife, Parnauto e Faculdade Chrisfapi.


Luís Fernando se destaca em mais uma competição do Campeonato Piauiense de MTB

Foram 63 km de muita técnica, ele conseguiu o 4º lugar na competição.

Esportes Ezequiel Neres 20 de junho de 2016 15:34h

Luís Fernando conseguiu o 4º lugar na competição do Campeonato Piauiense de MTB realizado ontem (19) em Teresina. Ele faz parte do grupo de ciclistas Pedaleiros Piripiri.

Faculdade Chrisfapi promove o I Torneio de Integração

Esportes Paiva Filho 20 de junho de 2016 13:08h

A Faculdade Chrisfapi entre os dias 21/05 e 14/06 promoveu o I Torneio de Integração, englobando os cursos de Fisioterapia, Enfermagem, Farmácia, Ciências Contábeis, Direito e Administração, o mesmo envolveu 144 alunos.

O evento ocorreu nas quadras do IFPI, Valdemar Soares, sendo a final do torneio na quadra Átila Lira entre as turmas de Fisioterapia e Direito, este sendo o campeão.

A premiação foi entregue na final, recebendo o time campeão um troféu e R$ 500,00 e o vice-campeão um troféu e R$ 200,00.

"O torneio é uma forma de promover o esporte e integrar ainda mais os cursos, buscando unir a prática com o espírito esportivo”, explica o Coordenador do torneio Prof. Marcondes Meneses.


A AABB de Piripiri participou da JESAB 2016 realizada nos dias 11 e 12 de Junho em Floriano-PI, onde buscou o titulo de Tri Campeã na modalidade futebol minicampo Master e vice-campeão no futebol minicampo Sper Master.
As modalidades campeãs disputarão a JERAB Norte/Nordeste II que será realizada em Teresina-PI com a participação de AABBs campeãs dos estados do PI, CE, MA, AM e PA.

Dunga está fora do comando da seleção. A exemplo de seis anos atrás, o técnico de 52 anos disse após o adeus precoce na Copa América que permaneceria à frente da equipe, mas, em seu retorno ao Brasil, teve a sua demissão anunciada pelo presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, e oficializado o fim de seu segundo ciclo em encontro nesta terça-feira, na sede da entidade, no Rio de Janeiro.

Ele chegou ao local por volta das 14h40 (horário de Brasília) e recorreu ao estacionamento subterrâneo para fugir da imprensa.

Ao seu lado, estava Gilmar Rinaldi, que também teve a sua saída do cargo de coordenador de seleções comunicada por Del Nero. Os demais membros da comissão técnica, também desligados, tiveram acesso através do lobby principal.

O encontro não durou mais do que 10 minutos.

O desligamento de Dunga já era esperado após o aumento da pressão sobre o seu trabalho com a eliminação da Copa América Centenário ainda na fase de grupos, no último domingo, em Boston, nos Estados Unidos. Ainda na noite passada, a CBF se adiantou e sondou extraoficialmente Tite, do Corinthians.

Ele é aguardado ainda nesta terça-feira, no Rio, para conversar sobre a seleção.

Conforme apurado pelo ESPN.com.br, entre os pedidos da confederação, estará que o gaúcho de 55 anos assuma imediamente o time olímpico também. A lista de 35 nomes tem de ser enviada até a quarta-feira.

A princípio, de acordo com membros de seu estafe, ele não pretende se opor.

Tite quer que a decisão seja feita às claras para evitar qualquer possível rusga com o departamento de base e com o técnico Rogério Micale, que realizou toda a preparação para as Olimpíadas. Foto: Lucas Figueiredo.

Comunicado oficial da CBF

A Confederação Brasileira de Futebol comunica que decidiu, nesta terça-feira, dissolver a comissão técnica da Seleção Brasileira. Deixam os cargos o coordenador de Seleções, Gilmar Rinaldi, o técnico Dunga e toda a sua equipe.

A decisão foi tomada em comum acordo durante reunião nesta tarde e, a partir de agora, a CBF inicia o processo de escolha da nova comissão técnica da Seleção Brasileira.

A CBF agradece a dedicação, a seriedade e o empenho da equipe durante a realização do trabalho.



Luis Fernando fica em 2º lugar em campeonato de ciclismo no Ceará

4ª Etapa do II Campeonato Norte Cearense de Mountain Bike.

Esportes Ezequiel Neres 29 de maio de 2016 21:14h

O Pedaleiro Piripiri Luís Fernando ficou em 2º lugar na categoria Sub 30 da 4ª Etapa do II Campeonato Norte Cearense de Mountain Bike. 

A cidade de Frecheirinha-CE sediou o evento que aconteceu neste domingo (29) e reuniu mais de 200 ciclistas de vários municípios.


Pedaleiros Piripiri realizaram a "Trilha do Festival".

Trilha de 55 km de Piripiri à Pedro II.

Esportes Ezequiel Neres 28 de maio de 2016 08:58h

Os Pedaleiros Piripiri percorreram uma trilha de 55 km neste feriado de Corpus Christi (26), a qual exigiu alta performance dos participantes, devido  área de muita altitude, no município de Pedro II.

Os ciclistas saíram da Avenida Tomaz Rebêlo em Piripiri e passaram pelos povoados Sertão de Dentro, Formosa, Palmeiras dos Soares, concluindo o percurso na Praça da Bonelle em Pedro II, onde acontece entre os dias 26 a 29 o Festival de Inverno 2016.



Contato: www.facebook.com/pedaleirospiripiri

Apoio: Vereador Muriel

Lisser Hair

Piripiri40graus